Escolha uma Página

 

POIS BEM – Reunião na tarde desta terça(16), entre os prefeitos de Cascavel, Leonaldo Paranhos e o de Palotina, Jucenir Stentzel, presidente do Consamu, resultou na renovação da já polêmica cedência do servidor da prefeitura cascavelense, advogado José Peixoto Neto. Com a benção de Paranhos, amanhã ele deixa a Secretaria de Finanças e retorna à rotina de diretor geral do Consórcio Samu Oeste, onde atua há seis anos.

Nicácio no Conselho

Outro integrante afastado da diretoria e em vias de ser reconduzido é o médico Rodrigo Nicácio, experiente na coordenação do serviço de socorro e regulação. O presidente Jucenir confirma que o profissional tem portas abertas e pode voltar. O retorno, no entanto, depende de consulta ao Conselho Deliberativo. E também da concordância do ex-diretor, que faz tratamento de saúde e permanece em silêncio. O sinal de fumaça branca acontece em meio às declarações pesadas do conceituado secretário de Saúde, enfermeiro Rubens Griep, apontando Jucenir como incompetente, vaidoso e mal intencionado na gestão do Consamu, entre outros adjetivos nada amistosos.

CPI e auditoria

A agressividade de Griep repercutiu hoje na Câmara de Vereadores, onde parlamentares falam em abrir CPI e investigar o Consórcio com profundidade. Também é cogitada auditoria geral. Depois de Nicácio, outros três médicos já passaram pela coordenação e, coincidência ou não, houve queda na qualidade dos serviços, conforme atesta Griep. Nos últimos quinze dias as três UPAS voltaram a lotar de pacientes esperando vaga em hospitais conveniados ao SUS. Jucenir afirma que tudo está funcionando bem. O Consamu atende 43 municípios e tem 750 colaboradores.

Compartilhe essa notícia